Últimas

André de Paula e Sebastião Oliveira são exonerados para participarem de votação

Pela segunda vez neste ano, os secretários das Cidades, André de Paula (PSD), e dos Transportes, Sebastião Oliveira (PR), foram exonerados da administração do governo de Pernambuco para participarem de uma votação em Brasília. Os dois, que são deputados federais, devem participar da votação do novo presidente da Câmara. Em abril desse ano, os dois também foram exonerados para participarem da votação da abertura do impeachment da agora presidente afastada Dilma Rousseff (PT).

A exoneração dos dois secretários foi publicada na edição desta terça-feira (12) do Diário Oficial de Pernambuco. André de Paula deve seguir a orientação do partido e votar na candidatura do deputado federal Rogério Rosso (PSD-DF). Já o PR, que integrava a base do governo petista, ainda não confirmou candidatura mas pode seguir o candidato apoiado pelo PT. Nenhum dos dois secretários devem votar a favor do candidato do partido do governador Paulo Câmara, o PSB.

Aliás, sobre os socialistas, foi decidida na noite desta segunda-feira (11), que o partido terá candidatura própria. O deputado Julio Delgado (PSB-RS) foi escolhido para a disputa depois de uma reunião da Executiva. O governador Paulo C    âmara, em agenda na manhã desta segunda, não cravou o nome de Delgado e disse que havia, além dele, outra candidatura posta: a do deputado Heráclito Fortes (PSB-PI).

“Até 11h da noite, eu não tive os desdobramentos da conversa. A eleição é amanhã e o hoje é um dia que a gente tomar pé das questões. Essa é uma questão (a eleição) muito interna da Câmara. É importante as bancadas discutirem e ver o melhor caminho. Não se ganha sozinho uma eleição. A capacidade de diálogo é fundamental para o novo presidente da Câmara”, disse Câmara.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook