Últimas

Após empatar com o Ypiranga, Levir Culpi avisa que pode deixar o Flu


Treinador avisou que irá conversar com Peter Siemsen nesta quinta-feira (7) sobre a sua permanência no clube

Crise sem fim. Jogando apenas para 492 torcedores pagantes em Volta Redonda, o Fluminense entrou em campo nesta quarta-feira (6) pressionado por um resultado positivo, mas ficou apenas no empate em 1 a 1 com o Ypiranga-RS, pela terceira fase da Copa do Brasil.

Após sair atrás no placar com João Paulo fazendo 1 a 0 para os visitantes ainda no primeiro tempo, Magno Alves deixou tudo igual, e Cícero ainda desperdiçou um pênalti na segunda etapa. 

E depois do apito final, o técnico Levir Culpi concedeu entrevista coletiva e deixou o seu futuro nas Laranjeiras em aberto, admitindo que irá conversar com a diretoria nesta quinta (7).

“A responsabilidade é nossa. E, acima de todos, é minha. Não me sinto muito bem nesse momento. Pretendo ter uma conversa amanhã com o Peter sobre a minha permanência ou não. A forma como foi o jogo, principalmente no primeiro tempo, sobre o que eu pretendo de time, e o que conversamos, não aconteceu nada do que queríamos. Talvez o problema seja eu, quero conversar amanhã para resolver. O resultado foi péssimo. A reação tem sido demorada. Há um impacto negativo grande sobre atletas, comissão, torcida, diretoria em qualquer resultado negativo, se eu não conseguir controlar essa atmosfera, é melhor conversar e resolver meu caminho”, afirmou o treinador que está há quatro meses no comando do Fluminense.

Agora, o tricolor precisa vencer ou empatar com no mínimo dois gols no jogo de volta, que está marcado para o próximo dia 27.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook