Chapecoense 0 x 2 Corinthians: Na briga pela ponta

Corinthians joga bem na segunda etapa e consegue vitória importante contra Chapecoense, fora de casa; Rodriguinho e Marquinhos Gabriel marcaram para o timão

O Corinthians mais uma vez contou com uma boa atuação no segundo tempo para vencer outra partida pelo Campeonato Brasileiro. Contra a Chapecoense, Rodriguinho e Marquinhos marcaram os tentos que levaram o Timão ao mesmo número de pontos que o Palmeiras, líder da competição.

A Chapecoense continua com os mesmos 18 pontos na tabela. O time pode terminar a rodada na zona de rebaixamento. Já o Corinthians empata com o líder em número de pontos. O time continua na segunda posição.

O jogo

As duas equipes maltrataram a bola nos primeiro 45 minutos de jogo. Com os setores defensivos bem armados pelos dois treinadores, as jogadas de ataque pouco apareceram tanto pelo lado da Chapecoense quanto pelo lado do Timão. A Chape conseguiu algum espaço pela esquerda e foi dali que apareceu a melhor chance. Ananias recebeu na área e bateu de primeira. Cássio, bem posicionado, espalmou. O Corinthians assustou só nos acréscimos. Luciano chutiu rasteiro e Marcelo espalmou, no rebote Romero acertou a rede pelo lado de fora. E foi só isso.

O futebol pediu e no segundo tempo a coisa melhorou. Logono primeiro lance de ataque, Balbuena balançou as redes, mas foi marcado impedimento. A Chape respondeu com Silvinho. Ele recebeu passe de Ananias e chutou por cima do gol. Minutos depois Rodriguinho era abraçado pelos companheiros. Ele abriu o placar após receber passe de Giovanni Augusto e chutou no canto direito. O goleiro Marcelo ainda fez duas defesas importantes antes de Marquinhos Gabriel ampliar. Fagner acionou meia na ponta esquerda que tocou com categoria por cima do goleiro.: 2×0.

A Chapecoense volta a jogar no domingo, dia 17 de julho. A equipe visita o Figueirense, em Florianópolis. O jogo está marcado para às 16h. O Corinthians terá o São Paulo pela frente no mesmo dia e horário. A partida será na Arena Corinthians.

 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook