Últimas

'Choro' de Eduardo Cunha agita as redes sociais

A demonstração de emoção e o aparente choro do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) durante seu pronunciamento de renúncia do comando da Câmara dos Deputados, às 13h30, agitou as redes sociais com um sem-fim de memes. Na hora seguinte, o tema se manteve em primeiro lugar dos mais comentados no microblog Twitter no País.


A montagem mais usada era a de Cunha recebendo a estatueta do Oscar de melhor ator. Jacarés aos prantos também não faltaram. A inovação ao longo da tarde veio com os GIFs. Um momento de angústia interpretado pela cantora Gretchen em um vídeo foi bastante replicado. Não ficaram de fora frases como “Tchau, querido”.


Se no Twitter foi difícil achar frases de apoio ao peemedebista, em seu perfil no Facebook elas fluíam em grande quantidade. Um dos comentários de agradecimento obteve, até o início da noite, 764 aprovações: “Sem ele não haveria Impeachment, ele foi brilhante sim!!! Sempre terá minha admiração e respeito, pois Independente de qualquer coisa, foi o único que teve a coragem de peitar o PT!!!”. 

Como este, outros mais de 1.500 usuários reagiram à postagem de Cunha com a íntegra de sua carta de renúncia, que trazia palavras como sofrimento, sofro, sofri e sofrendo. Poucas interações traziam comemorações. Suas postagens que negavam “categoricamente” sua renúncia, inclusive, foram apagadas da rede, como a que dizia: “Em resumo, desminto de novo o Estadão hj, na versão divulgada de que teria sido procurado com proposta de renúncia”, escreveu ele em 13 de junho no Twitter. 

A liderança de Cunha no microblog na tarde desta quinta-feira durou apenas três horas. Com o início da partida de futebol França e Alemanha, às 15h30, o deputado afastado caiu para terceiro, subiu para o segundo e se acomodou em terceiro às 20h. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook