Últimas

Cláudia Rodrigues relata assalto em Curitiba: 'Quebraram meu tornozelo'

Fotografada de cadeira de rodas com pé engessado em aeroporto, atriz contou que estava com a filha e bandidos estavam armados.

Cláudia Rodrigues (Foto: William Oda / AgNews)Cláudia Rodrigues (Foto: William Oda / AgNews)

Cláudia Rodrigues usou seu canal no Youtube para contar aos seus fãs e seguidores que sofreu um assalto em Curitiba. A atriz, que foi fotografada por um paparazzo usando cadeira de rodas no aeroporto Santos Dumont, nesta sexta-feira, 22, disse que os bandidos quebraram seu tornozelo e que ela terá que ficar dois meses sem colocar os pés no chão, atrasando assim, seus planos de lançar seu programa na internet.

“Vim aqui dar uma notícia triste, eu e minha filha e minha empresária fomos assaltadas em um bairro nobre de Curitiba por dois homens armados. Com muita violência tiraram a gente do carro, quebraram meu pé, meu tornozelo, minha fíbula… Por conta disso vou ficar dois meses sem colocar meus pés no chão. Os meus planos mudaram. Em outubro eu ia estrear o programa cara a cara com Claudia Rodrigues e passou para o ano que vem”, disse.

Na luta contra a esclerose múltipla, Cláudia Rodrigues conversou com o EGO em setembro de 2015 sobre a sua rotina. Ela está preparando uma biografia. “Minha vida não é como antes, infelizmente, mas também te garanto que já foi pior. Hoje apesar da fadiga, falta de equilíbrio e problema na marcha, tenho uma vida quase que normal.”, disse.

Desde que descobriu a esclerose múltipla, ela contou que aprendeu a lidar com a doença. “Hoje tiro de letra, graças a força que tenho recebido da minha filha, da minha empresária, mas é muito chato ter limitações. Antes eu fazia tudo. Hoje não posso mais devido a esclerose múltipla e isso é péssimo para mim.”

Entenda a doença de Cláudia Rodrigues

A esclerose múltipla é uma doença autoimune que afeta o cérebro e a medula espinhal (sistema nervoso central). Os sintomas da doença são perda de força, espasmos musculares, depressão, falta de equilíbrio e fadiga. A esclerose múltipla não tem cura mas pode ser controlada com medicamentos.

Cláudia Rodrigues (Foto: Youtube / Reprodução)Cláudia Rodrigues (Foto: Youtube / Reprodução)

 


Fonte: Ego.globo.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook