Últimas

Cristiano Ronaldo tenta igualar brasileiro com temporada perfeita

Campeão da última Liga dos Campeões pelo Real Madrid e da Eurocopa por Portugal neste domingo (10), Cristiano Ronaldo tornou-se o principal candidato a conquistar o prêmio Bola de Ouro da Fifa em janeiro do ano que vem.

E, se isso ocorrer, o atacante português vai igualar um feito que não acontecia desde o começo do século, quando um jogador recebeu a premiação de melhor do mundo na mesma temporada em que foi campeão por um clube e pela seleção do seu país.

Em 2002, o brasileiro Ronaldo venceu a eleição da Bola de Ouro depois de conseguir o pentacampeonato pela seleção brasileira na Copa do Mundo disputada no Japão e Coreia do Sul, e também ganhar o título da então Copa Intercontinental (atual Mundial de Clubes) pelo Real Madrid.

Naquela ocasião, no entanto, o camisa 9 do Brasil não conquistou a Liga dos Campeões do mesmo ano pois ainda atuava pela Inter de Milão no primeiro semestre. Ronaldo se transferiu para o time madrilenho somente depois do Mundial.

De lá para cá, os melhores do mundo de cada época, segundo a Fifa, não conseguiram repetir a façanha de levantar troféus por seus clubes e seleções na mesma temporada. Mas alguns chegaram bem perto.

Em 2007, o também brasileiro Kaká foi campeão da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes pelo Milan. Em contrapartida, não esteve presente na campanha vitoriosa da seleção brasileira na Copa América daquele ano pois havia pedido dispensa.

No ano anterior, o zagueiro Fabio Cannavaro foi eleito o melhor jogador do mundo após vencer a Copa do Mundo pela Itália e o Campeonato Italiano pela Juventus. Porém, o título da equipe de Turim foi caçado logo em seguida devido a um esquema de manipulação de resultados e a Inter de Milão foi considerada oficialmente a campeã italiana daquele ano.

Lionel Messi, eleito cinco vezes o melhor jogador do mundo, esteve muito perto de alcançar o mesmo desempenho em 2015, quando conquistou o triplete [Espanhol, Copa do Rei e Liga dos Campeões] pelo Barcelona, mas ficou com o vice-campeonato da Copa América, quando a Argentina foi derrotada pelo Chile nos pênaltis.

Até o momento, Cristiano Ronaldo levou a principal premiação individual do futebol em três oportunidades. Em 2008 e 2014, conquistou títulos somente pelos clubes (Manchester United e Real Madrid, respectivamente), e passou em branco com Portugal na Euro e Copa do Mundo dos mesmos períodos.

Em 2013, o jogador português ficou em primeiro lugar na Bola de Ouro sem levantar nenhuma taça na temporada.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook