Últimas

Florentino Pérez é o presidente em atividade com mais Champions League

O atual mandatário do clube merengue conquistou três Orelhudas e outros doze títulos durante seus dois mandatos

16 de julho de 2000. O Real Madrid teve uma eleição presidencial, que teve como vencedor Florentino Pérez. Pela primeira vez em sua vida, em sua segunda aparição nas urnas, depois de ser derrotado em 1995 por Ramon Mendoza, o espanhol assumia o clube. No sábado passado, completaram 16 anos desde aquele dia. Muitas coisas aconteceram no Real Madrid com ele no comando em duas etapas [2000-06 e 2009-presente].


GOAL VEJA TAMBÉM: GOAL
Prévia: Corinthians x São Paulo | Barcelona observa Lucas Lima | “Tévez fican o Boca Juniors”



(Foto: Getty Images)

Entre os principais méritos do atual presidente, as três Champions League conquistadas (2002, 2014 e 2016), que fizeram dele o presidente em atividade com mais títulos da competição, à frente de Pinto da Costa, Uli Hoeness, Joan Laporta e Lorenzo Sanz (que tem 2), e, agora, atrás apenas de Silvio Berlusconi (5) e Santiago Bernabéu (6). 

Além disso, foram doze títulos adicionais, entre eles os principais, três da La Liga, duas Supercopas Europeias e três Supercopas da Espanha. Números ricos o suficiente em treze temporadas. Todos estes títulos têm impulsionado o Real Madrid de volta à elite do futebol. Mas não é só pelas taças, mas também por uma profunda revolução realizada por Florentino Perez desde que chegou ao clube.

(Foto: Getty Images)

Com ele, foram contratados Ronaldo Fenômeno, Figo, Zidane, Beckham e Sergio Ramos, assim como Cristiano Ronaldo, Karim Benzema, Gareth Bale, Xabi Alonso, etc.. Com o atual presidente, o Real Madrid voltou a ter jogadores lutando por Chuteiras e Bolas de Ouro.

Em geral, nestes 16 anos, e apesar de seus erros em 2006, Pérez teve sucesso como poucos mandatário tiveram na história do esporte. O desafio, o objetivo é tentar manter o bom momento do clube. E para sorte dos merengues, Perez já confirmou publicamente que não pensa em se aposentar tão cedo.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook