Últimas

Kim Kardashian ‘prova’ que Taylor Swift sabia da letra de ‘Famous’

Taylor Swift, Kanye West e Kim kardashian são retratados em clipe (Foto: Reprodução)Taylor Swift, Kanye West e Kim kardashian são retratados em clipe (Foto: Reprodução)

O barraco está formado! Kim Kardashian adicionou um novo capítulo na polêmica envolvendo seu marido, Kanye West, e Taylor Swift. Tudo começou quando o rapper lançou a música “Famous”, em que parte da letra diz: “Eu sinto que eu e a Taylor ainda vamos transar. Por quê? Eu fiz aquela vadia famosa”. Na ocasião, a cantora deu declarações afirmando que não aprovava a letra da música.

Neste domingo, 17, a história ganhou novos contornos e movimentou as redes sociais, tornando o assunto mais comentado do Twitter. Isso porque Kim divulgou em seu Snapchat vídeos mostrando uma conversa por telefone entre Kanye West e Taylor Swift e em que a cantora daria seu aval para a parte da letra em que é citada.

Kanye começa a conversa perguntando se Taylor ainda tem o mesmo número de Nashville e depois fala o trecho “Eu sinto que eu e a Taylor ainda vamos transar” e diz: “Eu acho que isso é uma coisa boa em pôr na música”. Taylor responde: “Eu sei, quero dizer, é tipo um elogio”.

Kanye West e Taylor Swift (Foto: Getty Images / AFP)Kanye West e Taylor Swift (foto de arquivo)

O rapper continua: “Porque eu me importo com você, como pessoa e como amiga. Quero algo que te faça sentir bem. Eu não quero fazer rap que faz com que as pessoas se sintam mal”. “Vá com qualquer linha que você ache que é melhor. (…) E eu realmente agradeço por você me contar isso. Isso é muito legal”, completa Taylor. “Eu só tenho uma responsabilidade com você como um amigo. Obrigado por ser tão legal sobre isso”, afirma o marido de Kim Kardashian.

Taylor continua a conversa: “Eu realmente te agradeço. O ‘heads-up’ é tão bom… Eu nunca teria esperado que você me contasse sobre trechos de uma letra. E as flores que você me enviou? Eu postei no Instagram uma foto delas e é a foto com mais likes que eu já tive”. “Amizades são mais importantes do que letras agressivas, sabe?”, rebate Kanye.

“Então, eu não acho que alguém iria ouvir isso e pensar ‘ela deve estar chorando’”, responde ela. “Você tem que contar a história do jeito que aconteceu para você, porque você não sabia quem eu era antes do ocorrido. Não importa que eu tenha vendido 7 milhões de álbuns antes de você fez. O que aconteceu, aconteceu. Você não sabia quem eu era antes disso. Está tudo bem. E eu estou muito feliz por você ter me ligado para falar sobre a música. É uma coisa boa e mostra quem você é em relação à nossa amizade. Quando a música sair e me perguntarem, eu vou dizer que você me ligou”, finaliza Taylor.

E o bafo continua!
E quem pensa que o bafo acabou por aí, está enganado! Após Kim Kardashian divulgar os vídeos, Taylor Swift usou a rede social Twitter para dar sua versão da história. No post, a cantora diz:

“Aquele momento em que Kanye West grava secretamente seu telefonema e, em seguida, Kim posta na internet. Cadê o vídeo dele me dizendo que ia me chamar de ‘aquela vadia’ em sua canção? Ele não existe, porque isso nunca aconteceu. Você não consegue controlar a resposta emocional de alguém para ser chamado de “que a cadela” na frente de todo o mundo. Claro que eu queria gostar da música. Eu queria acreditar em Kanye quando ele me disse que eu amaria a música. Eu queria que nós tivéssemos uma relação amigável. Ele prometeu tocar a música para mim, mas ele nunca o fez”, diz o texto.

Taylor continua: “Ao mesmo tempo que eu quis ser solidária com Kanye no telefonema, você não pode ‘aprovar’ uma música que você não tenha ouvido. Sendo falsamente pintado como uma mentirosa quando eu nunca fiquei sabendo a história completa e nunca ouvi qualquer parte da canção. Isso é assassinato de caráter. Eu gostaria muito de ser excluída desta história! Uma história que eu nunca pedi para fazer parte, desde 2009”.

Rihanna, Chris Brown, Taylor Swift e Kanye West são retratados em clipe (Foto: Reprodução)Rihanna, Chris Brown, Taylor Swift e Kanye West
são retratados em clipe (Foto: Reprodução)

Clipe igualmente polêmico
Kanye West também causou polêmica com o lançamento do clipe da música “Famous”. A canção está no novo disco de Kanye, “The life of Pablo”. O motivo de tanto alvoroço foi o fato do clipe mostrar famosos nus.

Deitado em uma cama, Kanye aparece ao lado de figuras que fazem referência a pessoas bem próximas como a mulher, a socialite Kim Kardashian, e Caitlyn Jenner; além de personalidades que o rapper já teve problemas ou algum tipo de desentendimento no passado, como a cantora Taylor Swift e o ex-presidente dos Estados Unidos George W. Bush.

Estão lá ainda, lado a lado na cama, a modelo e ex-namorada de Kanye West Amber Rose, a cantora Rihanna, o rapper Chris Brown, o candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, a editora da revista “Vogue” Anna Wintour, o produtor Ray J e o comediante Bill Cosby. No final do vídeo, Kanye agradece a todas as pessoas retratadas por serem famosas.

Polêmica desde 2009
O lançamento da turnê do último álbum de Kanye West, “Life of Pablo”, já começou com bafão. Durante apresentação em Manila, capital das Filipinas, o rapper disparou sobre o episódio do “MTV Video Music Awards” de 2009, quando ele interrompeu a cantora Taylor Swift durante seu discurso ao ser premiada como vencedora na categoria Prêmio de Vídeo do Ano com “You Belong With Me”. 

“Aquela noite foi o começo do fim da minha vida”, disse Kanye durante apresentação da música “Famous” e completou: “Sinto que eu e Taylor talvez ainda transemos. Por quê? Eu fiz aquela vadia famosa”, incendiou a polêmica.

Meme do Miss Universo 2015 lembra climão entre Kanye West e Taylor Swift (Foto: Twitter/ Reprodução)Climão entre Kanye West e Taylor Swift (foto de arquivo)

Fonte: Ego.globo.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook