melina

Melina Freitas é destaque nacional. IstoÉ diz que “Justiça tardou mas não falhou”

A secretária estadual de Cultura, Melina Freitas é destaque na coluna A Semana da Revista IstoÉ. Em pauta, o bloqueio dos bens da titular da pasta da Cultura do governo de Renan Filho (PMDB). Freitas é dos quadros do partido do governo e um dos nomes bem avaliados do governo. 

Sobre o bloqueio dos bens de Melina Freitas, o blog já tratou do assunto. A secretária – nas entrevistas mais recentes sobre o tema – afirma ser inocente e que comprovará isto na Justiça. Ela é acusada e integrar uma quadrilha que desviou mais de R$ 16 milhões do cofres públicos, quando era prefeita da cidade de Piranhas. 

Na nota, a IstoÉ comenta o fato dos bens só terem sido bloqueados agora. “A Justiça tardou mas não falhou”, sentencia A Semana. Eis a nota na íntegra: “A Justiça tardou mais não falhou. Melina Torres Freitas é secretária da Cultura de Renan Calheiros Filho, governador de Alagoas. Teve os bens bloqueados somente agora, embora a ordem judicial seja de 015. É acusada de 483 crimes no desvio de R$ 16 milhões dos cofres públicos. Melina é ex-prefeita de Piranhas”. 

Em outros momentos, Melina já figurou no noticiário nacional pelo mesmo motivo. Vira e volta Alagoas figura em manchetes por temáticas não tão confortáveis para os poderosos locais.

 

 

Por Lula Vilar

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook