'Não venham ao Rio esperando Nova York ou Londres', diz Paes

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, participou nesta tera-feira (5) no estdio do Engenho de cerimnia que marcou a contagem regressiva de 30 dias para o incio dos Jogos Olmpicos.

Ao apresentar as intervenes urbanas promovidas pelo governo, ele recorreu ao discurso que costuma repetir para justificar a escolha da cidade como sede olmpica.

Vanderlei Almeida – 21.jun.2016/AFP
Rio's mayor Eduardo Paes, offers a press conference on June 21, 2016 in Rio de Janeiro, Brazil, to give the figures of the cost of the works carried out for the Olympic and Paralympics Games Rio2016. / AFP PHOTO / VANDERLEI ALMEIDA
O prefeito do Rio, Eduardo Paes, durante entrevista coletiva

“O que nos fez sensibilizar os eleitores do Comit Olmpico Internacional foram as mazelas do Rio de Janeiro. Mostramos cenas de engarrafamento, enchentes, problemas de infraestrutura. Essa foi a razo pela qual vencemos os jogos. No venham aqui esperando Chicago, Nova York ou Londres. Comparem o Rio com o Rio”, disse o prefeito, que participou da inaugurao do Museu da Cidade Olmpica, ao lado do Engenho.

Paes comentou os investimentos em obras de infraestrutura e mobilidade realizadas na cidade, como a duplicao do Elevado do Jo, a implantao do Veculo Leve sobre Trilhos e as obras de revitalizao do Porto.

“Os gastos foram de R$ 7 bilhes, sendo que 60% desse dinheiro veio do setor privado. A ttulo de comparao, um estdio olmpico em Londres custou mais que todas as nossas arenas. O que a prefeitura gastou com estdio 1% do que investiu em sade e educao”, disse o prefeito.

Presente no evento, o ministro da Justia, Alexandre Moraes, minimizou as preocupaes com a situao da segurana pblica do Estado. Ele reforou que a liberao de crdito do governo federal para a operao de segurana dos jogos vai normalizar o pagamento de policiais militares, civis e bombeiros que esto com vencimentos atrasados.

“Os R$ 2,9 bilhes que o presidente Michel Temer liberou por medida provisria como crdito suplementar, absolutamente necessrio para a segurana da Olimpada, j foram transferidos para o Estado do Rio pagar o salrio dos policiais”, disse Moraes.



Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook