Últimas

Pressionado, Fluminense busca esquecer histórico de vexames na Copa do Brasil

Atravessando momento conturbado, Tricolor encara o Ypiranga-RS, nesta quarta-feira (6)

O Fluminense entra em campo na noite desta quarta-feira (6), no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, para encarar o Ypiranga-RS, pela terceira fase da Copa do Brasil. No entanto, quem pensa que o jogo será fácil para o Tricolor, se engana.

Atravessando por uma fase conturbada no Campenato Brasileiro (nos últimos cinco jogos, somou uma vitória, um empate e três derrotas), a equipe comandada pelo técnico Levir Culpi chega pressionada por um resultado positivo.


Ônibus quebado por torcedores em frente ao clube (Foto: Reprodução)

Após alguns torcedores tentarem invadir o treino no início da semana, os mesmos compareceram na saída da delegação na noite desta terça (5) e quebraram o vidro do ônibus.

O clube sabe que um placar positivo nesta quarta (6) é vital para os ânimos se acalmarem, e assim os jogadores conseguirem trabalhar em paz. No entanto, com um resultado adverso, a crise nas Laranjeiras pode estourar de vez. O presidente Peter Siemsen é o principal alvo dos torcedores insatisfeitos, assim como o goleiro Diego Cavalieri.

Números do Flu no Brasileirão:

E traumatizados pelos vexames do Fluminense na Copa do Brasil com eliminações para o Brasiliense, em 2002, Paulista de Jundiaí, em 2005, e América-RN, em 2014, os tricolores esperam que a equipe faça a sua obrigação. A necessidade por uma vitória convincente é tamanha, que Levir utilizará força máxima para enfrentar o Ypiranga.

Relembre alguns vexames do Flu na Cdb:

Fluminense 2 x 5 América-RN – 2014


Fred balançou as redes, mas não evitou o vexame (Foto: Divulgação Fluminense)

O mais recente desastre do tricolor ocorreu em 2014, quando foi surpreendido e goleado por 5 a 2 pelo América-RN, em pleno Maracanã, e acabou eliminado.

A equipe carioca entrou em campo com ampla vantagem, depois de ter vencido o adversário por 3 a 0, em Natal, mas com falhas binonhas de sua defesa, a equipe deu adeus a competição e não chegou às oitavas de final.

Fluminense 0 x 0 Paulista de Jundiaí – 2005

O palco não era o Maracanã, e sim São Januário lotado de tricolores. No entanto, a casa cheia de nada adiantou, e o Flu não conseguiu reverter o placar do primeiro jogo de 2 a 0, e viu a zebra levantar o troféu no Rio de Janeiro.

Fluminense 0 x 1 Brasiliense – 2002

Pelas quartas de final, o Brasiliense venceu tanto na Boca do Jacaré, em Taguatinga-DF, quanto no Maracanã. Em ambas as ocasiões, o meia Wellington Dias fez o gol.

Fluminense 2 x 2 Linhares – 1994

O Tricolor entrou em campo confiante, mas foi surpreendido pelo Linhares, que acabou arrancando dois empates no duelo. Enquanto no jogo de ida o placar foi de 2 a 2, no jogo da volta o empate por 1 a 1 eliminou os cariocas.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook