Após seis temporadas, Barcelona volta a assinar com um atacante espanhol

Desde David Villa, o clube catalão não contratava um jogador do próprio país

No ataque, o Barcelona tem historicamente os melhores jogadores do mundo. O trio MSN, formado por Messi, Suárez e Neymar, é um exemplo claro disso. Ser atacante do clube catalão é muito caro e raramente espanhóis são escolhidos. Paco Alcacér, que completa 23 anos nesta terça-feira (23), é exceção.

Na verdade, apesar da presença de Pedro em outras temporadas e Munir e Sandro mais recentemente, eles vieram das categorias de base do clube. Não foram contratados. A contratação de Alcacer acaba com uma seca de seis temporadas sem assinar com um 9 espanhol. David Villa, hoje na MLS, foi o último.

(Foto: Getty Images)


GOAL VEJA TAMBÉM: GOAL
Não foi dessa vez para Ganso e Pato | Mourinho fala sobre “Fergie Time” | Cartoon do Dia: Agosto


Antes dele, 10 anos se passaram antes do anterior. Em 1999/00, o Barça pagou 2.5 milhões de euros por Dani Garcia, do Mallorca, e um ano depois, em 2000/01, desembolsou ​​exatamente a mesma quantidade por Alfonso Pérez, do Bétis. Este sim, o

Alcacer tem 22 anos. Curiosamente, o atacante que será confirmado nas próximas horas como reforço do Barça. No dia em que completa 23, se torna o quarto homem do atacante catalão, o suplente de luxo do trio MSN.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook