Últimas

Candidatos retardatários lotam TJ para pegar certidão negativa cível e criminal

Passam de 4 mil as solicitações/emissões do documento; hoje é o último dia para o pedido de registro de candidaturas

 

A sede do Tribunal de Justiça (TJ/AL) ficou lotada, na manhã desta segunda-feira (15), de candidatos que vão concorrer às eleições municipais em todo o estado. O objetivo é pegar a certidão negativa cível e criminal. O prazo para expedição da certidão é de 48 horas e passam de 4 mil as solicitações/emissões do documento. Hoje é o último dia para o pedido de registro de candidaturas à Justiça Eleitoral. 

Segundo a diretora adjunta de Assuntos Jurídicos, Eleonora Paes, o setor trabalhou no feriado e no final de semana para acelerar todos os procedimentos. 

Já vínhamos tomando medidas há duas semanas para que não se acumulassem certidões. A diretoria também disponibilizou servidores a mais para suprir essa demanda, mas, infelizmente, não temos conseguido. É preciso fazer a consulta no sistema, e isso é demorado", comentou Eleonora. 

A diretora informou que é preciso apresentar cópias do RG e CPF, além de um requerimento que os candidatos preenchem no tribunal. Mesmo havendo algum processo no nome do candidato, as certidões são emitidas, de acordo com a servidora. O deferimento ou não da candidatura compete ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). 

Paes informou ainda que. nos últimos dias, passam de 4 mil as solicitações/emissões de certidões negativas (cíveis e criminais). O dado é estimado, visto que os servidores não contabilizaram com exatidão os atendimentos.

Mobilização

O diretor-geral do tribunal, Nigel Malta, disse que a Corte foi mobilizada para emitir os procedimentos. Segundo ele, a certidão do "Nada Consta" pode ser retirada em qualquer momento do ano e não existe um setor que cuide dessa parte eleitoral. 

 

Retardatários lotam tribunal para pegar documento

FOTO: Larissa Bastos

"Desde o início, já tínhamos essa preocupação com relação aos pedidos de certidão e mobilizamos servidores para a diretoria de Assuntos Jurídicos. O direito à certidão é constitucional e estamos desenvolvendo um sistema que também permita ser retirada a certidão de segundo grau pela internet", disse Nigel. 

 

Os candidatos reclamaram do tempo de espera na fila. José Ronaldo Barbosa é candidato a vice-prefeito em Jequiá da Praia e disse que só falta a certidão para dar entrada na candidatura. 

"Conseguimos todas as certidões dos outros órgãos na internet. Só aqui que há essa dificuldade. Dei entrada no pedido na terça-feira e estou esperando para pegar". 

João Fonseca veio de Porto Calvo como representante do partido e estava esperando por 24 certidões. Ele também deu entrada na terça. "Desde cedo, estou aqui. Cheguei umas 7h. A única certidão difícil de pegar foi essa. Já fizemos o registro e, agora, falta juntar esse documento. O prazo é de 72h depois que o cartório eleitoral dá início ao pedido", informou Fonseca.

 

 

 Por Larissa Bastos e Jobison Barros

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook