Day e Lara, dupla apadrinhada por Lucas Lucco, prepara primeiro DVD

Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)

Day e Lara se preparam para gravar o primeiro DVD da carreira. A filmagem acontece nesta terça-feira, 2, em Goiânia, e contará com participação especial de Munhoz e Mariano e Maiara e Maraisa.

A dupla que se uniu em 2015 após trabalharem em carreiras distintas, é apadrinhada por Lucas Lucco. E, em conversa com o EGO, Day foi só elogios ao cantor. “Ele é bem aquilo que ele mostra ser para mídia, muito autêntico. Nossa parceria começou porque ele gravou uma música nossa no ano passado. O Lucas abraçou nosso projeto por acreditar muito nessa formação feminina”, contou Day. Ela ainda falou que o conselho que o sertanejo sempre repete para elas é o de mostrar que o projeto não é só uma fase e, também, para cantar sempre a verdade.

Veia artística
Além do apadrinhamento do cantor, Day tem um forte apoio longe dos holofotes. A cantora é filha de Camargo (da dupla Claiton e Camargo) e sobrinha de Zezé Di Camargo e Luciano.

“Esse negócio é uma faca de dois gumes, né? Não dá para fugir, porque faz parte de mim. O sobrenome é meu, de fato sou filha, sou sobrinha, e não tenho vergonha alguma de ser neta de Francisco. Mas as pessoas vinculam muito e acham que a gente vai na cola deles. Se eles apadrinhassem a gente, não teria o mesmo gostinho de conquista. Tudo o que conseguimos, foi nosso trabalho”, contou Day, explicando o motivo de os tios ou o pai não se envolverem na carreira da dupla.

“A gente não costuma misturar. Família, família. Negócios à parte. O que eles nos dão sempre são conselhos. E às vezes vale mais em conselho do que qualquer investimento”, declara a cantora.

Day optou por também não colocar o Camargo em seu nome de carreira. “Seria forçação de barra. Iam falar: ‘Nossa, mais uma’. Minha história na composição não surgiu através deles, então era desnecessário vincular”, contou ela, que antes de formar a dupla nos palcos, escreveu muitas letras em parceria com Lara. “Acredito que este seja um dos momentos mais importantes da nossa carreira, sair dos bastidores e subir aos palcos é a realização de grande sonho”, pontuou Lara sobre o caminho percorrido de compositora à interprete.

O DVD das meninas, aliás, terá 14 faixas autorais entre as 17 selecionadas para o trabalho.

Carreira
Enquanto Lara fazia dupla sertaneja com seu irmão desde os 12 anos de idade (ela está com 21), Day seguia carreira gospel. “Não canto mais gospel, mas ainda sou cristã. É a escola para tudo o que tenho na vida. O gospel me ensinou a amar as pessoas. Fora que no gospel, você vai para porta da igreja vender CD depois do show, não vai para o camarim. E queremos ter esse contato mais direto com a pessoa”, conta ela Day.

Mulheres no sertanejo
Day e Lara entram com esse projeto para a lista de mulheres que estão ganhando espaço na música sertaneja. “Creio que o mercado está aberto, mas ainda carente de vir com profissionalismo por parte das mulheres”, afirmou ela, que elogiou nomes como Paula Mattos, Marília Mendonça e Maiara e Maraisa que, assim como ela, também iniciaram a  carreira como compositoras. “Sentimos a necessidade de vincular nossa música com o nosso visual, para mostrar como nós somos”, explicou.

Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)
Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)
Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)Day e Lara (Foto: Vitor Almeida/Divulgação)

 


Fonte: Ego.globo.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook