Em reencontro com o Maracanã, Brasil encara Honduras no penúltimo passo pelo ouro

Na última partida no estádio, a Seleção derrotou a Espanha e conquistou a Copa das Confederações

Depois do empate nos dois primeiros jogos, a Seleção Brasileira conseguiu se recuperar vencendo a Dinamarca por 4 a 0 e garantindo vaga nas quartas de final do torneio de futebol da Olimpíada do Rio.

 

O adversário das quartas era a Colômbia, equipe contra quem o Brasil vem criando uma história recentemente, principalmente Neymar. E mesmo diante da provocação dos colombianos, a Seleção carimbou a vaga na semifinal ficando cada vez mais perto do tão sonhado ouro olímpico.

 


(Foto: Getty Images)

 

Agora, a Seleção reencontrará o Maracanã, palco tão desejado pelos brasileiros durante a Copa do Mundo de 2014 mas que não viu o verde-amarelo graças a eliminação para a Alemanha na semifinal do torneio.

 

Enfim, depois de três anos o Brasil disputará uma partida oficial no maior palco do futebol brasileiro. Palco em que Neymar brilhou, diante de mais de 73 mil torcedores, na decisão da Copa das Confederações contra a poderosa Espanha. Na ocasião, a Seleção derrotou os espanhóis por 3 a 0.

 


(Foto: Getty Images)

 

Com uma torcida exigente, principalmente com as competições dentro de casa, os jogadores sabem desde o início a importância de conquistar a tão sonhada medalha de ouro em solo brasileiro. Este é o principal objetivo da CBF no ano, o planejamento foi voltado para que no dia 20 a medalha esteja no peito de cada um dos 18 atletas.

 

Mas para que isso seja possível é necessário encarar, com respeito, os hondurenhos que surpreenderam na competição mandando a Argentina para casa.

 


(Foto: Getty Images)

 

Com uma marcação forte e contra-ataques rápidos, Honduras é comandada por Jorge Luis Pinto, treinador responsável pela surpreendente campanha da Costa Rica na Copa do Mundo de 2014 e tem como grande destaque o atacante Alberth Elis, dono de um bom porte físico e jogo aéro forte.

 


(Foto: Getty Images)

 

Em 2012, quando conquistou a medalha de prata, a Seleção Brasileira também encontrou com a seleção de Honduras. Nas quartas de final, os comandados de Mano Menezes sairam atrás do placar e buscaram a virada por 3 a 2 garatindo vaga na semifinal. Neymar, que estará em campo nesta quarta-feira, marcou um dos gols da vitória brasileira.

 

O comandante hondurenho, conhece bem Neymar egarantiu que nosso camisa 10 terá uma marcação especial, mas admitiu que o Brasil não depende apenas dele.

 


(Foto: Getty Images)

 

“O Brasil é uma seleção de muita qualidade. Já analisei, analisei. O Brasil pode depender de alguma maneira de Neymar, mas acredito que não seja tanto. É claro que ele é um jogador muito importante. Já o enfrentei cinco vezes e sei da sua qualidade. Neymar é brilhante. É certo que precisamos controlá-lo.”

 

Por outro lado, Rogério Micale ainda não revelou o time que entrará em campo, mas é bem provável que mantenha a equipe que derrotou a Colômbia. Desde que Luan entrou deu uma outra cara ao time.

 

Provavél escalação: Weverton, Marquinhos, Rodrigo Caio, Zeca, Douglas Santos, Walace, Renato Augusto, Luan, Neymar, Gabigol e Gabriel Jesus. Técnico Rogério Micale.

 

As duas equipes entram em campo nesta quarta(17), às 13h, no Maracanã. Caso vença a Honduras, o Brasil garante vaga na final do torneio de futebol que acontece no sábado(20), às 17h30, também no Maracanã.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook