Últimas

Em Velho Chico, Santo vai ressuscitar com ajuda do espírito de Tereza

Santo (Domingos Montagner) - Foto: Globo/ Caiuá Franco

Santo (Domingos Montagner) – Foto: Globo/ Caiuá Franco

O amor de Santo (Domingos Montagner) e Tereza (Camila Pitanga) é mesmo algo para toda a vida. Nos próximos capítulos do folhetim, eles demonstrarão que estão ligados espiritualmente. Após sofrer o atentado, ele será cuidado por índios que vivem embrenhados nas matas, mas acabará morrendo.

Numa espécie de experiência pós-morte, o fazendeiro entrará no plano espiritual e receberá a ajuda do espírito da filha de Afrânio (Antônio Fagundes) para conseguir ressuscitar.

Enquanto está recebendo os cuidados do Pajé e da curandeira, Santo chama por Tereza. “Homem quer ficar… Chama nome de mulher… precisa vivê!”, diz a índia. “Espírito dos mortos tem canto mais forte…”, fala o Pajé.

Longe dali, Tereza acaba sonhando e vendo o todo o ritual feito para resgatar o espírito de Santo. Ela até vai repetir a canção que o Pajé canta em língua nativa, como se estivesse participando de tudo.

Na cama, Tereza sua e arde em febre. Os gemidos acabam trazendo Iolanda (Christiane Torloni) e Martim (Lee Taylor) até o quarto, assustados. “Ela não está doente… está buscando Santo… longe daqui”, diz Martim para Iolanda. Mesmo dormindo, Tereza agarra o braço de Martim e diz: “Eu vi Santo! Eu vi! Ele está vivo… ele está ferido, precisa de mim… ele precisa de mim!”.

Santo e Tereza se declaram um para o outro - Foto: TV Globo/ Inácio Moraes/ Gshow

Santo e Tereza se declaram um para o outro – Foto: TV Globo/ Inácio Moraes/ Gshow

Os índios continuam a cuidar de Santo. O corpo já sem vida tem uma aparente melhora com a “presença” do espírito de Tereza. de olhos fechados, o Pajé sente: “O espírito dela veio. O espírito da mulher chegô pra trazer ele de volta… Eu vejo…”.

O vento para de soprar, e o cenário muda outra vez. O índio abre os olhos sem esperança: “Espírito dela foi embora…”. Nesse momento, Tereza estava sendo acordada em casa por um médico chamado por Afrânio. Ela sai do transe.

Suando, ela diz: “Eu o vi, Iolanda. Deitado no chão em uma… cabana… ou uma oca. Ele está muito ferido! Santo precisa de mim!”. O médico aconselha repouso, e Martim, então, pede que Ceci (Luci Pereira) vá até lá para ver Tereza. A mãe de Beatriz (Dira Paes) dá uma infusão para Tereza beber e faz os seus procedimentos. Ela conta a Ceci o que viu e decide procurar por Santo.

Decidida a encontrar o lugar que viu em seus sonhos, ela foge da fazenda e acaba encontrando a aldeia onde o produtor está. Ao chegar, encontra Santo morto no chão, e fica desesperada: “Volta pra mim… Pelo amor de Deus… volta pra mim!”.

O Pajé começa a cantar tudo o que Tereza havia ouvido em seu sonho, para tentar alcançar o espírito dele. “Se coração dela não deixa homem ir ainda… homem tem motivo pra ficar!”, diz o Pajé.

O ritual continua e mais índios se juntam. A tribo canta com vigor, todos cantando e esperando a cura Santo. Após um tempo tentando, eles começam a diminuir o ritmo, dando a entender que tudo o que fizeram não deu certo. O Pajé olha para Tereza, que corre e abraça e beija Santo: “Volta, Santo! Não vá embora… por favor, volta pra mim!… Volta pra mim!…”.

A canção fica muda, e a empresária começa a chorar debruçada no corpo do amado. Ela é a única que continua a murmurar a canção do índio. Os índios começam a deixar a oca com olhar de piedade. O Pajé joga terra em uma fogueira próxima, e começa a deixar o lugar. Quando estava quase lá fora, o índio escuta uma brasa estourar embaixo da terra. Ao olhar, ele percebe que o fogo voltou a arder na fogueira.

Tereza olha em direção à fogueira, e quando as chamas começam a ganhar força novamente, Santo ressuscita: “Santo!”.


Fonte: Cenapop.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook