Estreia de Buffarini e Chavez como titular. Veja como se saíram os novos gringos do São Paulo contra o Galo

Lateral mostrou disposição, enquanto atacante marcou o gol do Tricolor na sua principal característica, mas depois pouco participou do duelo

Apesar da derrota por 2 a 1 para o Atlético-MG na última quinta-feira (4), no Morumbi, a partida válida pela 18º rodada do Campeonato Brasileiro foi boa para observar dois jogadores que chegaram ao São Paulo nas últimas semanas: Julio Buffarini e Andrés Chavez.


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Galo 2 x 1 Tricolor | Os motivos da derrota do SP | SP define interino


O lateral-direito Buffarini fez seu primeiro jogo justamente na despedida de Edgardo Bauza, que tanto insistiu na sua contratação. Os dois haviam trabalhados juntos no San Lorenzo, onde conquistaram a Libertadores de 2014. Embora tenha tido uma atuação discreta, o jogador argentino mostrou muita disposição e raça em campo.


(Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC/Divulgação)

Defensivamente, Buffarini acertou sete dos dez desarmes que realizou no confronto e ganhou 16 das 23 disputas que teve. Os números foram bons, mas o lateral acabou errando no bote do primeiro gol do Galo, que foi marcado por Maicosuel. Além disso, recebeu cartão amarelo em entrada dura em Júnior Urso.

Bem ofensivamente, onde fez boas jogadas pelo lado direito com Kelvin, Buffarini mostra que precisa de tempo para ter o mesmo ritmo de jogo dos seus companheiros, mas mostra que tem qualidade para ser titular e ajudar o Tricolor na sequência da temporada.

Andrés Chavez, por sua vez, mostrou sua principal característica no primeiro jogo como titular no São Paulo. Logo no início do duelo, o chuta-chuta percebeu Victor adiantado e soltou uma bomba de longe que encobriu o goleiro do Atlético-MG.

Depois do seu primeiro gol pelo Tricolor, porém, Chavez ficou isolado na frente e recebeu poucas bolas de qualidade. Quando elas chegaram, acabou sofrendo com a forte marcação da defesa adversária e não conseguiu levar mais perigo para Victor. Ao todo, foram três finalizações do argentino (incluindo a do gol). 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook