Últimas

Homens da Força Nacional são baleados em favela do Rio

Um grupo de homens da Força Nacional de Segurança (FNS) – que está no Rio de Janeiro para trabalhar nos Jogos Olímpicos – foi recebido a tiros ao entrar, segundo o Ministério da Justiça, por engano na Vila do João, no complexo de favelas da Maré, na zona norte da capital carioca. O caso, que aconteceu nesta quarta-feira, terminou com três militares baleados.

Soldados foram baleados ao entrar por engano em favela. Foto: Reprodu
Soldados foram baleados ao entrar por engano em favela. Foto: Reproduo

Em um áudio, um dos militares, que se identifica como Capitão Ale, diz que a viatura da corporação foi atacada e que ele foi atingido. Em outras gravações, um homem da FNS também diz que o motorista foi atingido de frente, porque não conseguiu sair do carro, e que um táxi estaria dando apoio, levando os feridos para um hospital.

O soldado Helio Andrade, da Polícia Militar de Roraima, está internado em estado grave no Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, zona norte carioca. Ele teve exposição de massa encefálica e foi submetido a uma cirurgia. Os outros militares foram encaminhados para o Hospital Sousa Aguiar, também no Méier, e para o Hospital Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador, ambos na zona norte.

O comandante da Força Nacional de Segurança, coronel Alexandre Aragon, encaminhou-se para o hospital para acompanhar a situação do agente gravemente ferido. A Polícia Civil informou que a Delegacia de Homicídio da capital está no local em diligência.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook