Últimas

Líder com discussões e sem empolgação – Repercussão de Fluminense 0 x 2 Palmeiras


Disputas duras em campo foram assunto após o jogo que ratificou o Palmeiras na ponta da tabela do Brasileirão

Apesar do Palmeiras ter jogado bem e conseguido uma importante vitória contra o Fluminense, neste domingo (28), o final de jogo foi turbulento. Houve discussões entre diversos jogadores, inclusive do mesmo time (Marquinho e Wellington Silva, do Fluminense), reclamações de todos lados e até um pouco de provocação.

No meio de tudo isso, é claro que os palmeirenses também falaram sobre o futebol, comemoram a boa atuação, mas se seguraram para baixar a empolgação.

Veja as principais declarações pós-jogo.

Sobre discussões e faltas duras: “isso é do jogo. Jogo tenso. Não houve um lance desleal. Aptidão até maior que o necessário, vai com vontade de ganhar bola. Jogo decisivo. Fluminense, se ganha, aproxima muito do G-4. Nós também, disputando o título, vamos jogar a vida”.

Sobre o ataque do Palmeiras: “o jogo mostra um poder do melhor ataque da competição. Mas recompõe bem, não deixa defesa espaçada. Defesa ajuda empurrando o time para frente. Quando consegue compactar a equipe fica bom. Acabamos tomando gols excessivos em alguns jogos, mas no geral a defesa também está bem”.

Sobre liderança: “não é porque temos três pontos de vantagem que temos de achar que as coisas já aconteceram. Tem muito chão ainda, muita coisa para rolar, é uma vantagem muito curta. Eu não fico pensando em quantos pontos tenho na frente do adversário. Eu miro lá na frente, os 72, 73, 74, o alvo é esse. Eu imagino que de 72 a 74, neste ano, vai sair o campeão”.

Sobre discussões: “quando um time perde sempre vai chorar. Vai colocar a culpa na arbitragem. A gente tem que trabalhar em campo.

Sobre liderança: “estamos trabalhando e estamos no caminho certo para conquistar o título. ão vamos falar que estamos com jeito de campeão. Vamos deixar este alvoroço para a torcida”.

Sobre empolgação: “mais que a vitória, conseguimos um bonito futebol e nos firmar ainda mais como líder”

Sobre ser caçado em campo: “imaginava que seria, mas hoje foi brincadeira. Rasgaram até a minha chuteira. Depois vêm reclamar comigo. Não tenho culpa se eles me batem. Fomos bem demais, equipe soube controlar o jogo e colocamos em prática o que o Cuca nos pede. Vitória muito importante. Conseguimos mostrar um bonito futebol para nos firmamos ainda mais como líder.”

Sobre o jogo: “faltou melhorar na bola parada. Ousadia não faltou, as chances foram muitas parecidas para os dois. Um aproveitamento de um bola ou outra que decide a partida. Não há muito o que lamentar.”

Sobre discussão com Marquinho: “é coisa de jogo, saiu daqui já está tudo normal. Não me senti em casa, mas quem veio da torcida do Fluminense está de parabéns”

Sobre reação do Fluminense: “não esfria. Entramos muito focados no jogo hoje querendo vencer tirar um pouco da diferença. Saímos chateados perdemos do líder do campeonato em duas bolas paradas, eles foram bem, a gente podia estar mas atento. São as duas coisas. erramos e eles felizes fizeram o gol. Uma equipe dura que faz um belo campeonato mas estamos chateados porque podíamos ter vencido. Em nenhum momento desistimos, futebol é assim, ganha e perde, mas não vamos abaixar a cabeça porque nosso objetivo é subir ainda mais na tabela.”


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook