A sombra de Guardiola está pesando para Mourinho

Manchester United estava invicto na temporada até enfrentar o City, em Old Trafford



ANÁLISE


No último dia 10 de setembro, José Mourinho e Pep Guardiola se enfrentaram pela primeira vez na Premier League. O Manchester United chegava invicto no duelo, tendo vencido a Supercopa da Liga Inglesa contra o Leicester, além de ter vencido as três primeiras partidas da competição inglesa. 

No entanto, após perder para o Manchester City por 2 a 1, a equipe de Mourinho ainda não conseguiu reencontrar o caminho do triunfo: foi derrotado na estreia da Liga Europa para o Feyenoord por 1 a 0, e contra o Watford por 3 a 1 na Premier.

A pequena crise que já começou em Old Trafford contrasta especialmente com o grande sucesso do City, de Pep Guardiola. O treinador catalão recebe elogios de especialistas pelo seu estilo de jogo, que colocou a equipe na liderança da commpetição, com cinco vitórias, além da goleada sobre o Borussia Mönchengladbach na Champions League. E a queda de Mourinho vem justamento após a derrota para Pep.

O United se destacou no início do campeonato por sua solidez defensiva e seu poder no ataque, especialmente com Zlatan Ibrahimovic, que marcou quatro gols nos primeiros três desafios. Uma equip solvente, que nas últimas partidas sofreu uma média de dois gols por jogo. A tudo isso deve ser adicionado a inclusão de Paul Pogba na equipe. A contratação mais cara do futebol ainda não forneceu toda a qualidade que é esperado, e a pressão sobre o jogador aumentar a cada rodada.


GOAL VEJA TAMBÉM: GOAL
“Balotelli vai voltar à Inglaterra  | James: “Zidane é meu ídolo”  | “United não merecia perder”


O que mostra que algo está errado nos Red Devills. Desde 2006, Mourinho não havia perdido três jogos consecutivos como treinador (entre duas temporadas). E a derrota para o Watford no último domingo (18), foi a primeira vez que o treinador português atingiu essa marca na mesma temporada. A última vez foi quando ele ainda treinava o Porto, em 2001-02. Muitas derrotas para uma pessoa que está acostumada a vencer. O técnico do United perdeu 14 dos últimos 32 jogos como treinador, ou seja, 40%.

Por agora, a sombra do sucesso de Pep Guardiola passa a pesar, embora o português tenha tempo para voltar a sua rotina: as vitórias.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook