Após retorno á Argentina, Messi garante que não enganou ninguém

O camisa 10 foi o herói da Albiceleste na vitória por 1 a 0 contra o Uruguai, na estreia de Bauza

Lionel Messi garantiu que não pretendia enganar ninguém depois anunciar aposentadoria e reverter sua decisão meses depois. O ídolo chocou o mundo do futebol com a sua decisão de abandonar a seleção após a derrota para o Chile na final da Copa América Centenario, em junho.

Após uma reunião com o novo técnico da Argentina, Edgardo Bauza – que viajou para a Europa – a estrela do Barcelona voltou, brilhou contra o Uruguai e marcou o único gol da vitória por 1 a 0, válida pela Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

“Eu sou muito grato [por retornar à seleção]”, disse Messi. “Mas eu não enganei ninguém quando me aposentei, senti isso”, garantiu ele.


(Foto: Getty Images)


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Tite conseguiu o que Dunga queria | Messi brilha pela Argentina | Atuações dos brasileiros contra o Equador


“Nós ficamos muito decepcionados com o que tinha acontecido, mas depois eu pensei melhor…”, revelou ele. “Eu tive uma conversa com o Paton [Bauza] e com outras pessoas”, contou o craque.

A estrela da Albiceleste, de 29 anos, é dúvida para o jogo contra a Venezuela, na terça-feira (6), devido a lesão. O time de Messi é o líder das Eliminatórias, com 14 pontos, dois a mais que o Brasil, quinto colocado.

“Eu não sei se eu vou jogar contra a Venezuela. Eu tenho muita dor na virilha, mas eu queria estar aqui depois do distúrbio que causei”, concluiu ele.

 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook