Últimas

Com frio na barriga, Tite fará sua estreia diante de um Equador "abusado"

Depois de quase dois meses trabalhando chegou a hora do novo comandante ir a campo; do outro lado, Gustavo Quinteros promete ir para cima do Brasil

Chegou o grande dia! Tite fará a sua estreia no comando da Seleção Brasileira nesta quinta-feira contra o Equador, em partida váliada pela sétima rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018 na Rússia.

 

Com frio na barriga que o próprio treinador adimitiu, a Seleção que ocupa a sexta posição na tabela não terá vida fácil,  já que o Equador é o segundo colocado e não perde para o Brasil em Quito há 33 anos.

 

Apesar da confiança da imprensa e dos torcedores, Tite sabe que existe uma pressão já que uma derrota seria muito ruim para as pretensões do Brasil. Questionado sobre o assunto ele foi direto.


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
As 25 equipes que mais gastaram | Time de Tite está definido | Guardiola e Mourinho fazendo história?


 


(Foto: Pedro Martins/MoWa Press)

 

“Desde o início da minha carreira, convivi a vida toda com a pressão. Minha cobrança interna permanece a mesma. A diferença é que 200 milhões acompanham e torcem, mas sei que tenho que ficar focado no meu trabalho. Chegou alguém que não caiu do céu, que ralou muito para chegar. Tenho minhas ambições profissionais. Espero que seja um grande jogo. Tomara que eu tenha competência.”

 

Durante a preparação pra o confronto, Tite fechou os poucos treinos que teve mas não escondeu o time titular que será formado por Alisson; Daniel Alves, Miranda, Marquinhos e Marcelo; Casemiro, Renato Augusto e Paulinho; Willian, Gabriel Jesus e Neymar.

 


(Foto: Pedro Martins/MoWa Press)

 

Por outro lado se o Equador faz boa campanha muito se deve as atuações de Antonio Valencia e Pedro Quinonez que estão cumprindo suspensão e não enfrentarão o Brasil. Além deles, o técnico Gustavo Quinteros não contará com Erazo e Carares, ambos machucados.

 

O meia Jefferson Orejuela, que se destacou na Libertadores pelo Independiente Del Valle fará sua estreia na seleção equatoriana.

 


(Foto: Getty Images)

 

Apesar disso, Quinteros garantiu que manterá o time no campo ofensivo o que pode facilitar a vida de Tite já que o ex-corintiano sabe como poucos explorar o contra-ataque. 

 

Com o lema de que o importante é vencer e não dar espetáculo nesse primeiro momento, a era Tite começa no gramado diante de um grande desafio: colocar o Brasil no grupo de classificação para a Copa do Mundo. Em seguida, fazer com que o torcedor volte a acreditar na Seleção, dar padrão de jogo e mostrar uma equipe coletiva e competitiva.

 

Nesta quinta-feira todos os olhos dos apaixonados por futebol estarão voltados para o jogo do Brasil na esperança de que um marco de mudança de postura acontença. Boa sorte, Tite!


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook