Últimas

CR7 alfineta ídolo do Barcelona e disse o que faria consigo caso fosse presidente do Real

Após voltar aos gramados pelo Real Madrid e fazer um gol, CR7 respondeu às declarações de Xavi e disse que está bem fisicamente

Cristiano Ronaldo não disputava uma partida oficial desde que fora substituído, por causa de lesão, na final da Eurocopa conquistada pela Seleção Portuguesa. E, na sua estreia pelo Real Madrid em mais uma edição do Campeonato Espanhol, o gajo demorou apenas seis minutos para estufar as redes.


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Crônica: Real Madrid 5×2 Osasuna | Deyverson… melhor que Neymar!!! | Crônica: Barça 1×2 Alavés


Os Blancos venceram o Osasuna por 5 a 2, em partida realizada no Santiago Bernabéu pela terceira rodada. Depois do jogo, CR7 deu uma resposta provocativa ao meio-campista Xavi. Durante a semana o ídolo do Barcelona – que atualmente joga no Qatar – elogiou Cristiano, mas garantiu que ele nunca vai chegar ao nível de Messi.

CR7 balançou as redes e abriu o caminho para a goleada merengue sobre o Osasuna (Foto: Getty Images)

“Todos sabem que qualquer um que queira aparecer nas primeiras páginas precisa falar sobre mim”, destacou. “Xavi não venceu nenhuma Bola de Ouro. Eu tenho três”.

Eleito melhor jogador do futebol europeu meses atrás, CR7 também garantiu que está bem fisicamente. Um momento curioso foi no qual o português afirmou que, fosse ele o presidente do Real Madrid e contasse com um jogador de sua qualidade, buscaria estender o vínculo por mais dez anos!

“Estou bem fisicamente e poderia ter jogado, sem problemas, os 90 minutos. Mas eu ainda estou sentindo um pouco de medo em certos momentos, isso é normal depois de um tempo fora de jogo. Eu ganhei ritmo, fiz um gol e tive uma boa impressão. Tudo está ótimo”.

Voltando após lesão, o português foi substituído na metade do segundo tempo (Foto: GERARD JULIEN/Getty Images)

“Se eu fosse o presidente, eu renovaria meu contrato por mais dez anos”, finalizou o craque de 31 anos, que tem contrato até 2018 com os merengues.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook