Últimas

De representante da nova geração à estatística – Como Roger deixou o Grêmio

Após fracassar na Libertadores e ficar seis jogos sem vencer no Brasileirão, treinador deixa o comando do Tricolor Gaúcho

Roger Machado assumiu o Grêmio em 2015, fez tudo que o seu antecessor Felipão não tinha conseguido, praticamente com o mesmo time. Deu para a torcida do Tricolor motivos para sonhar. Não conseguiu títulos, mas era apontado como representante de uma nova geração de treinadores, até deixar o clube gaúcho.

Sondado pelo Corinthians e comparado com Pep Guardiola pela imprensa, pelo perfil estudioso e também devido aos termos que utilizava e aos treinos específicos que dava à equipe, o comandante de 41 anos terá de recomeçar sua carreira. Após seis jogos sem vencer e duas goleadas sofridas, a última para a Ponte Preta, por 3 a 0, Roger deixou a Arena.

(Foto: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação)


GOAL VEJA TAMBÉM: GOAL
A nova filosofia do United | Roger deixa o Grêmio | As curiosidades da UCL


O resultado desastroso faz com que Roger virasse estatística. Mais um treinado que cai no futebol brasileiro. O treinador deixa o Grêmio na oitava posição do Brasileirão, muito abaixo do que esperava o treinador. Roger mesmo pediu demissão, talvez por achar que não possa tirar mais do time.

O excelente trabalho na temporada 2015, quando conquistou vaga improvável à Libertadores, eram o escudo e davam segurança para o treinador a cada nova derrota, mas os fracassos foram se somando. A eliminação para o Juventude na semifinal do Gauchão e a eliminação humilhante para o Rosario Central na competição continental também pesaram.

Os números do Grêmio no Brasileirão 2016:

O presidente Romildo Bolzan, que pretende se reeleger neste ano, sempre foi um dos maiores apoiadores de Roger, mas ouvindo o pedido de Roger para deixar o clube, sem títulos em dois anos, pensou na possibilidade de dar ânimo novo à equipe.

O Grêmio já iniciou a busca por um substituto. Apesar de perder Roger, a busca é por um substituto com o mesmo perfil. Milton Mendes, sem clube, Eduardo Baptista, da Ponte Preta, e Antonio Carlos Zago, do Juventude, são os principais nomes especulados.

>


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook