Gabriel Jesus incedeia clássico e mostra que valeu a pena investir em jatinho

Atacante conseguiu se recuperar rapidamente do jogo pela Seleção Brasileira e atuou bem por 40min contra o São Paulo

Paulo Nobre tomou uma decisão polêmica ao fazer todos esforços possíveis para Gabriel Jesus jogar no clássico contra o São Paulo, nesta quarta-feira (7). O presidente palmeirense até emprestou seu jatinho pessoal para buscar o atacante em Manaus, onde ele atuou pela Seleção Brasileira um dia antes. E no final deu certo, o atacante contribuiu de forma importante para a vitória por 2 a 1 e não teve problemas físicos. 


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
“Vitamina” decide | Cuca vê importância de gol sofrido | São Paulo em crise


Cuca disse que teve medo de usar Gabriel Jesus, mas antecipou sua entrada no jogo. Mesmo assim o jovem de 19 anos teve outra boa atuação pelo Palmeiras. Ele atuou por cerca de quarenta minutos e incendeou o clássico. Marcou os adversários na saída de bola, buscou receber bola nas costas dos adversários, criou e finalizou chances de gol, etc…

A substuição aconteceu aos 8min do 2º tempo, quando o São Paulo tinha acabado de fazer o primeiro gol. Gabriel Jesus nem tocou na bola e já aconteceu o empate, pois Yerry Mina marcou de cabeça aos 10min.


Gabriel brigou muito com adversários (Foto: Cesar Greco)

Então o Palmeiras passou a pressionar o São Paulo em busca da virada e contou com seu artilheiro para botar fogo no jogo. Aos 15min, ele mostrou muita inteligência para recuar atrás da linha de impedimento e receber um bom passe de Dudu. Jesus finalizou, Dênis defendeu e no rebote a bola sobrou limpa para Zé Roberto, que chutou para longe bizarramente. Depois Jesus teve mais duas chances. Na primeira, aos 20min, uma finalização da entrada da área foi muito fraca. Na outra, aos 33min, ele dominou a bola no peito, aplicou um corte bonito e chutou bem, mas o goleiro tricolor fez uma defesaça.

Veja números de Gabriel Jesus no Brasileirão 2016:

Nos últimos minutos de jogo, até por causa do cansaço, Gabriel caiu de produção, mas ainda deu tempo de irritar os são-paulinos. Aos 40min, ele fez embaixadinhas com o jogo parado e ouviu reclamações. Aos 45min, fez Lyanco receber um cartão amarelo por entrada dura.

Muito além dos 10 gols que já fez no Campeonato Brasileiro, Gabriel Jesus é importante de diversas formas para o Palmeiras. Paulo Nobre e Cuca sabem disso e acertaram ao correr o risco nesta quarta. 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook