Geraldo Julio apresenta propostas para melhorar acessibilidade do Recife

Em uma reunião com um grupo de pessoas portadoras de algum tipo de deficiência, o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), anunciou nesta quarta-feira (21) ações que pretende implementar na cidade, caso seja reeleito. No encontro, que marcou o Dia Nacional a Luta das Pessoas com Deficiência, o socialista também discutiu propostas para melhorar a acessibilidade no Recife. As propotas serão apresentadas no programa eleitoral do PSB de TV desta noite.

Entre os novos projetos, o prefeito citou a implantação de rotas inclusivas nas praças e parques da cidade, criação da Residência Inclusiva, para atender pessoas com deficiência que perderam o convívio familiar e não têm como se sustentar, além da criação do Centro Dia, que, segundo ele, tem a finalidade de proporcionar condições “para que a vida cotidiana seja melhor para aquelas pessoas com deficiência”, disse.

Geraldo quer, ainda, criar uma Central da Língua Brasileira de Sinais do Recife, que vai atender a demanda da pessoa com deficiência e disponibilizar intérpretes para atividades externas (consultas médicas, exames), trabalhar pelo fortalecimento do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência, com a implantação da Casa dos Conselhos da Assistência Social e Direitos Humanos e criar cargos efetivos de acessibilidade, como o brailista, intérprete e o audiodescritor.

Ainda é proposta do socialista realizar um amplo programa de capacitação para servidores em libras, de forma que progressivamente todos os órgãos da Prefeitura do Recife disponham de intérprete para o atendimento ao público.

“Hoje é o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência e para garantir uma cidade inclusiva a gente começou pelas escolas com 11 ônibus do Transporte Inclusivo, com as salas bilíngues, onde os alunos surdos têm aulas através da linguagem brasileira de sinais. A gente também contratou 150 agentes de educação especial para nossas escolas e garantiu acessibilidade nas nossas escolas, nos prédio novos, nas Upinhas, nas creches, no Compaz, no Hospital da Mulher”, lembrou ao falar do trabalho realizado pela sua gestão.

Geraldo falou das propostas previstas para a próxima gestão após ouvir demandas do grupo, que contou com representantes da sociedade civil e ainda de servidores dos governos municipal e estadual. A reunião teve ainda a participação do coordenador do programa de governo, Antônio Alexandre, e os secretários municipais de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Ana Rita Suassuna, e Planejamento e Gestão, Alexandre Rebêlo.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook