Últimas

Grupo Logos revitaliza discografia e álbuns recebem novas capas

28/09/2016 – 12:00

Grupo, na ativa desde 1981, apresentou nova identidade visual para quase todos os discos



Grupo Logos revitaliza discografia e álbuns recebem novas capas Imagem: Reprodução

O Grupo Logos completou, este ano, uma campanha de revitalização de toda a sua discografia. A banda, que está ativa desde o início da década de 1980, lançou vários discos inéditos. E, agora, a maior parte da obra da banda recebeu nova identidade visual.

A discografia completa está disponível no site da banda que, aproveitando a novidade, disponibilizou todo o seu catálogo nas plataformas digitais. Os álbuns podem ser ouvidos de graça em canais de streaming como Spotify e Deezer, também adquiridos pelo iTunes.

O primeiro disco do conjunto foi lançado em 1982. Caminhos deu estreia ao Logos após o fatídico encerramento do Grupo Elo, banda da qual o vocalista e pastor Pr. Paulo Cezar era fundador. Seu principal parceiro artístico, o pianista e cantor Jairo Trench, morreu em um acidente automobilístico com a esposa e o filho em abril de 1981, fazendo com que a história artística do Elo recebesse um prematuro fim. Com isso, Paulo resolveu fundar um novo grupo que, hoje, conta com trinta e cinco anos de carreira.

De lá para cá, o Grupo Logos produziu discos e canções de grande profusão e influência no segmento evangélico. O álbum Situações, de 1984, é apontado como um dos trabalhos mais importantes de sua discografia e é respeitado por uma geração de artistas, como Davi Sacer, que já afirmou sua admiração pelo registro no Twitter. A banda também foi uma das primeiras no meio cristão a produzir um projeto dedicado ao público infantil, com Minhas Mãozinhas, de 1986.

O álbum mais recente do Logos é o comemorativo Acústico – Linha do Tempo, lançado em 2013, que conta com regravações. Antes disso, o casal Paulo e Nilma gravou o primeiro trabalho em espanhol do conjunto, chamado Caminos. A obra reuniu vários sucessos da banda na língua castelhana, como “Portas Abertas”, “Marcas” e “Autor da Minha Fé”.


Fonte: Gospelprime.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook