João Paulo e Sílvio Costa Filho, de gerações diferentes, esbanjam sintonia

"Ele medita 20 minutos e isso equivale a seis horas de sono. Estou em desvantagem, porque n
“Ele medita 20 minutos e isso equivale a seis horas de sono. Estou em desvantagem, porque no consigo meditar”, diz Silvio Costa Filho, falando do ritmo intenso de Joo Paulo na campanha. Crdito: Trsio Alves/Divulgao

alinemoura.pe@dabr.com.br

De gerações diferentes, João Paulo e Sílvio Costa Filho (PRB), candidatos a prefeito e vice do Recife, respectivamente, esbanjam sintonia nas caminhadas. Nesta terça-feira (6), no bairro de Dois Unidos, na Zona Norte, o prefeiturável disse que seu vice tinha um discurso “tão bom” que ambos pareciam da mesma geração política. A deferência que João Paulo faz ao candidato vice tem sido frequente, ao ponto de Sílvio Filho representá-lo em muitas ocasiões e receber a garantia de que terá um papel de destaque na sua gestão, caso vença a disputa. Aliás, João Paulo não tem falado em “se vencer a eleição”. Ele tem dito que no “dia 2 de janeiro de 2017” vai  começar a mudar a face da cidade.

Jo
Joo Paulo e Slvio Filho visitaram trs altos no bairro de Dois Unidos, Zona Norte do Recife. Crdito: Aline Moura/DP

João Paulo caminhou na noite desta terça por uma hora e meia no Alto do Maracanã, no Alto do Capitão e no Alto da Esperança. Caminhava um pouco mais rápido que Sílvio Filho, em algumas ocasiões, mas o candidato a vice corria para alcançá-lo, porque também tirava muitas fotos com pessoas que o abordavam. Os dois se agachavam juntos para cumprimentar moradores que os recepcionavam em habitações em nível abaixo da rua.

Pouco antes de encerrar a caminhada, mesmo tendo outro lugar para passar, João Paulo e Sílvio Filho atravessaram o Campo do Palmeiras, no Alto da Esperança, correndo, deixando alguns seguidores para trás. O campo de terra – uma área de lazer imensa – estava totalmente escuro e os dois corriam lá no meio, sendo iluminados pela equipe do guia eleitoral. Alguns simpatizantes e moradores ficaram olhando a cena com surpresa, enquanto as crianças fizeram a festa, correndo ao lado do mesmo jeito.

Sílvio Filho brinca e diz ser difícil acompanhar o ritmo de João Paulo, porque o ex-prefeito “medita 20 minutos e isso equivale a seis horas de sono”. João Paulo, por sua vez, provoca o candidato a vice, dizendo que tem mais energia do que ele, mesmo ele sendo tão jovem. Os dois sempre sorriem ao falar a mesma piada para o público e sempre a repetem.

Moradora do Alto da Esperan
Moradora do Alto da Esperana segura Joo Paulo e Slvio Filho pelo brao para tirar uma foto com eles. Crdito: Trsio Alves/Divulgao

O petista escolheu os altos de Dois Unidos, porque lá ele inaugurou um conjunto habitacional que beneficiou 126 famílias que moravam num galpão na antiga Fábrica da Macaxeira, também na Zona Norte. Na sua gestão, a prefeitura também construiu uma quadra e inaugurou uma Academia da Cidade na área.

“O ex-prefeito da cidade vai ser prefeito do Recife novamente. É por isso que, do outro lado de lá, eles estão ficando desesperados. Eles achavam que iam ganhar a eleição de todo jeito, no primeiro turno. Mas a gente esta vendo ao longo dessa campanha o desrespeito que há com o povo do Recife”, discursou Silvio Filho, em cima de um pequeno carro de som. “Tenho contado aqui com essa força de um companheiro leal e combativo. Eu pensei até ele tinha vindo da velha guarda, porque o discurso dele é muito bom”, acrescentou João Paulo, que tem 63 anos. Silvinho, como é chamado, tem 34.

Candidato a prefeito do Recife pelo PT e vice, do PRB, consideram que se complementam.  Aline Moura/DP (Aline Moura/DP)
Candidato a prefeito do Recife pelo PT e vice, do PRB, consideram que se complementam. Aline Moura/DP

A sintonia de ambos é um contraponto ao momento vivido pelo PT nacional, onde o antigo vice-presidente, Michel Temer (PMDB), atuou como protagonista no impeachment de Dilma Rousseff (PT), agora ex-presidente da República. Também é uma alfinetada à campanha de Geraldo Julio, uma vez que o PMDB, que faz parte de sua aliança, não engole a escolha de Luciano Siqueira (PCdoB) como vice, uma vez que seu partido sempre fala, no Congresso Nacional, Dilma “sofreu um golpe”. 


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook