leandro

Pedreiro em liberdade condicional é executado a tiros na feirinha do Jacintinho

Leandro Lopes teria espancado criança de 11 anos e havia entrado no sistema prisional por agredir o próprio pai

 

Um jovem de 27 anos foi executado com vários tiros na cabeça na manhã desta quarta-feira (27), na Rua Santo Antônio, na feirinha do Jacintinho, em Maceió. O pedreiro Leandro Lopes da Silva tinha sido preso por agressão ao próprio pai. Além disso, a vítima agrediu recentemente uma criança de 11 anos, o que revoltou a família. 

Segundo informações de parentes, Leandro havia espancado o pai, vindo a ser preso e cumprido três meses de detenção no sistema prisional. Há um mês, ele foi solto após assumir o compromisso de se apresentar regularmente ao Poder Judiciário. Ele era pedreiro, mas, no momento, estava desempregado. 

Apesar da liberdade condicional, Leandro não teria cumprido os requisitos e agrediu a filha de uma mulher com quem ele estava se relacionando. A menina, de apenas 11 anos, foi espancada por Leandro e o fato deixou a família indignada. 

 

Leandro Lopes teria espancado criança de 11 anos

FOTO: Reprodução

O cunhado da vítima disse que a agressão pode ter motivado o assassinato, cuja vítima foi atingida por vários disparos de arma de fogo na cabeça, de um revólver calibre 38, enquanto caminhava pela feirinha. Após o crime, os autores fugiram tomando destino ignorado. 

 

O corpo foi periciado pelo Instituto de Criminalística (IC) e recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) ao exame de necropsia. 

Agentes da Delegacia de Homicídios da Capital foram acionados à ocorrência, para colher os primeiros depoimentos, além de militares do Batalhão de Polícia de Eventos (BPE) para isolar o local. Apesar disso, ninguém quis comentar sobre os motivos do crime nem de que forma se deu a execução. 

 

 

Gazetaweb

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook