Últimas

PM reforça policiamento nas praias a partir deste final de semana

Depois de um episódio envolvendo adolescentes que iam para as praias da zona sul no fim de semana passado, fazendo algazarra nos ônibus, onde 92 deles acabaram detidos, a Polícia Militar decidiu antecipar a Operação Praia, para este sábado. A finalidade é aumentar a sensação de segurança em toda orla carioca. A ação será integrada entre Polícia Militar, Guarda Municipal e as secretarias municipal de Desenvolvimento Social e Especial de Ordem Pública.

A Polícia Militar atuará com aproximadamente 850 policiais de diferentes unidades, com o apoio dos batalhões de Policiamento em Grandes Eventos. de Áreas Turísticas, de Choque, além do Grupamento de Policiamento Transportado em Ônibus Urbanos e do Regimento de Polícia Montada. O efetivo vai patrulhar desde a Praia do Flamengo, na zona sul, até a praia do Recreio dos Bandeirantes, no outro extremo da cidade, na zona oeste do Rio.

O esquema contará com o apoio de dois carros de Comando Móvel que ficarão baseados na praia do Arpoador e na Barra da Tijuca. As unidades receberão, em tempo real, imagens transmitidas pelo helicóptero do Grupamento Aeromóvel da PM. A tecnologia vai agilizar o deslocamento de viaturas e policiais quando necessário. O helicóptero cobrirá toda a orla da cidade. Os carros de comando também possuem um sistema de captação de imagens com um raio de abrangência de dois quilômetros.

Estão planejadas abordagens a veículos, com atenção especial a ônibus, ao longo do dia. Os policiais vão revistar passageiros e, em caso de suspeita de menores em situação de risco, haverá o apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social que será responsável por avaliar a situação de vulnerabilidade dos menores. Na areia, vão atuar policiais do Batalhão de Policiamento em Grandes Eventos, capacitados para trabalhar em aglomerações e com armamento não-letal e uso progressivo da força.

Apoio

A Secretaria Municipal de Ordem Pública e a Guarda Municipal farão patrulhamento preventivo na orla da cidade, com foco no ordenamento urbano (entorno, calçadão e areia) e fiscalização de trânsito, com o cumprimento das posturas municipais. Além disso, serão distribuídas pulseiras de identificação para as crianças. Ao todo, o efetivo contará com 87 viaturas, 387 agentes por dia e 30 tendas operacionais na orla da Zona Sul, Barra, Recreio e Prainha. Além disso, será montada uma torre de observação móvel na orla de Copacabana.

Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social vai participar da Operação Verão, diariamente, com 60 profissionais entre psicólogos, educadores e assistentes sociais. As equipes vão trabalhar na proteção e garantia de direitos de crianças e adolescentes.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook