Últimas

PMs vão para o interior para reforçar policiamento nas Eleições em Alagoas

Nesta quarta, 500 militares e 40 guarnições motorizadas vão para o interior. Em Maceió, serão empregados 3.013 PMs; no interior são 2.414

 

Policiais militares embarcam, na manhã desta desta quarta-feira (28), para municípios do interior de Alagoas para reforçar o policiamento no primeiro turno das eleições. O embarque da tropa está previsto para ocorrer a partir das 7h.

Nesta quarta, 500 militares e 40 guarnições motorizadas devem reforçar o policiamento no interior. Em Maceió, serão empregados 2.948 policiais militares nos dias que antecederão a data da votação. Já no interior, serão 2.414 homens. Além do policiamento ostensivo nas ruas, os militares também atuarão na guarda dos locais de votação garantindo que todo o processo eleitoral, desde a chegada e instalação das urnas, ocorra em segurança.

Estratégia
O plano da Polícia Militar de Alagoas (PM/AL) foi elaborado com a divisão do estado por regiões e garante que todo município terá um oficial de ligação, atuando diretamente com os juízes eleitorais. Os militares serão divididos em três comandos de área: Santana do Ipanema (Sertão), Arapiraca (Baixo São Francisco) e São Luiz do Quitunde (Litoral Norte).

Reforço Estratégico
De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBM/AL), além do emprego de toda a sua frota de viaturas na véspera e no dia da eleição, 306 militares atuarão em Maceió para a guarda das urnas nos locais de votação das cinco zonas eleitorais. Haverá a atuação diária de 68 bombeiros em pontos estratégicos da região metropolitana e viaturas deslocadas para as proximidades dos principais locais de votação.

No interior, sete oficiais coordenarão as atividades nos quartéis sediados em Penedo, Maragogi, Santana do Ipanema, Arapiraca, Delmiro Gouveia, União dos Palmares e Palmeira dos Índios. Haverá, também, onze oficiais fazendo rondas por todas as regiões dos grupamentos. No total, 525 bombeiros militares atuarão na véspera e no dia da eleição em todo o Estado.

Mais segurança
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, por unanimidade no dia 21, o pedido de Forças Federais para as eleições nos municípios de Pilar e Rio Largo. O pedido foi encaminhado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE-AL), que aprovou nos dias 13 e 14 de setembro, respectivamente, a solicitação dos juízes eleitorais responsáveis por aqueles municípios.

Ambos os municípios querem garantir a pacificidade durante o período eleitoral.

 

 

G1

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook