Polícia prende mais um suspeito de assassinar mototaxistas em Rio Largo

Com Jackson Araújo, foram apreendidos revólver e droga; arma teria sido usada para cometer o crime

 

O delegado Manoel Acácio Júnior, do 12º Distrito Policial (12º DP), confirmou a prisão de Jackson Araújo Francisco, de 20 anos, conhecido como "Nego", suspeito de ser um dos autores do duplo homicídio em Rio Largo, que teve como vítimas mototaxistas. A prisão aconteceu nessa quarta-feira (14).

Durante a ação, foi apreendido com Jackson um revólver calibre 38, além de uma quantidade de crack. 

A arma foi possivelmente utilizada no assassinato de José Ramos dos Santos e Luciano da Silva Santos. Os dois foram executados em um ponto de mototáxi.

Segundo o delegado, "Nego" cometeu o duplo homicídio juntamente com Romildo Avelino da Silva, de 37 anos, conhecido como "Ciclone", preso pelo 12º DP, no dia 25 de julho deste ano.

"Ao ser autuado, Romildo assumiu que assassinou as vítimas no dia 21 de maio, porque os mototaxistas estavam indicando passageiros para serem assaltados", concluiu o delegado.

 

Gazetaweb

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook