Últimas

Corpo de Camilo Simões é cremado no Morada da Paz

O ex-secretário de Turismo do Recife, Camilo Simões, foi cremado, na manhã desta segunda-feira (17), no Cemitério Morada da Paz, no município de Paulista, na Região Metropolitana. O velório, aconteceu pela manhã e reuniu familiares, amigos e lideranças políticas. O então secretario faleceu na noite do último domingo em virtude de um infarte fulminante. Além da pasta, Camilo era um dos coordenadores do projeto de reeleição do prefeito Geraldo Julio (PSB), que suspendeu as atividades de campanha do dia em virtude da morte do aliado. No PSB, o secretário, que deixou a mulher Rebeca e dos filhos pequenos, Pedro e Teo, era considerado um novo quadro e uma aposta da legenda para disputas futuras.

O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), destacou a relação pessoal e profissional com Camilo Simões. “Ele era amigo de minha família, muito amigo de minha esposa e dos meus filhos. Eu era amigo família dele também. Um homem leal, uma pessoa entusiasmada, feliz”, disse o socialista, ressaltando a capacidade de liderança do ex-secretário, morto aos 31 anos. “Camilo era um dos grandes líderes dessa geração, foi embora precocemente. Agora nesse momento é muita tristeza e levar todo o carinho para Marta (mãe), Rebeca, Pedro e Teo, a família dele”, completou.

Camilo foi uma peça importante na eleição de Geraldo, em 2012, quando coordenou a juventude do PSB. Nesta eleição, chegou a ser cotado como candidato a vereador, mas o projeto não prosseguiu. O ex-secretário começou na vida pública chefiando o gabinete do líder de governo Waldemar Borges (PSB) na Assembleia Legislativa. Com a eleição de Geraldo, integrou-se à equipe de Felipe Carreras assumindo uma gerência na Secretaria de Turismo e Lazer. Em 2014, assumiu a pasta no município com a saída de Carreras para a Secretaria de Turismo do estado.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), que chegou acompanhado da primeira-dama Ana Luiza, destacou a dedicação de Camilo ao trabalho, o futuro promissor e a capacidade de transmitir confiança. “Ele deixa uma família linda e uma lembrança e o exemplo de que podemos fazer muito e marcar. Isso no sentido de fazer muito e ajudar as pessoas e, ao mesmo tempo, com responsabilidade e trabalho”. Já o secretário de Turismo do estado, Felipe Carreras, salientou a amizade de ambos. “Recife perde um grande quadro político. Eu perco um grande amigo, um grande irmão. Isso faz a gente repensar os valores da vida. É uma perda irreparável”.

A cerimônia de despedida de Camilo Simões lotou o capela e parte do velório do Morada da Paz. Representando o Diario, o vice-presidente institucional Maurício Rands lembrou que, ao assumir o jornal, o ex-secretário foi um dos primeiros convidados para uma conversa. “Uma das primeiras visitas que Alexandre Rands (presidente do Diario) e eu recebemos quando assumimos o jornal foi de Camilo. Eu fiquei muito impressionado com a desenvoltura dele, com o conhecimento dos assuntos da pasta, da área do turismo, que ele vinha se dedicando”, disse Rands ao lembrar que o ex-secretário representava a renovação da política na sua geração.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook