Últimas

Familiares, amigos e políticos se despedem de Camilo Simões

Vel
Velrio do secretrio de Turismo e Lazer da Prefeitura do Recife, Camilo Simes, no Cemitrio Morada da Paz. Foto: Trcio Amaral/ DP

Familiares, amigos e políticos lotaram, na manhã desta segunda-feira, o Cemitério Morada da Paz, em Paulista, onde desde 1h da madrugada teve início o velório do secretário de Turismo e Lazer da Prefeitura do Recife, Camilo Simões. Aos 31 anos, ele foi encontrado morto, ontem, causando espanto e surpresa no meio político. A cerimônia de cremação está marcada para as 11h, no mesmo local.

Entre os presentes, o governador Paulo Câmara; o prefeito do Recife, Geraldo Julio, o secretrário de Turismo de Pernambuco, Felipe Carrerasa e o ex-deputado federal e vice-presidenete do Diario de Pernambuco, Maurício Rands. Emocionado,  Geraldo Julio falou sobre Camilo: “Amigo da minha família, leal, animado, entusiasmado, uma pessoa feliz, uma perda pra muita gente. Camilo era um cara de muitos amigos, pessoa que todo gostava muito facilmemte. Companheiro de todas as horas. O Recife perde muito. Um profissional que sabia lidar com a situações mais difíceis e naqueles momentos é que ele crescia e sabia encontrar soluções inovadoras. Não tinha medo de desafios, sabia liderar a equipe. Um dos grandes líderes dessa geração foi embora precocemente. É momento de levar todo o carinho, toda a ateção pra Marta, para Renata, Pedro e Teo, para toda a famíla. O que todos amigos querem agora é fazer o que ele fazia tão bem: cuidar da família dele”. O prefeito Geraldo Julio decretou luto oficial de três dias.

Segundo parentes que pediram para não serem identificados, pela manhã, um integrante de nome não informado do grupo envolvido na campanha eleitoral do PSB à Prefeitura do Recife foi ao apartamento, em Boa Vuagem, buscar o secretário para um compromisso. Sem obter resposta, decidiu arrombar a porta e encontrou Camilo Simões já sem vida no sofá da sala. A ocorrência foi registrada pela Polícia Civil, que destacou equipes para realizarem os procedimentos necessários e encaminharem o corpo para o Instituto de Medicina Legal.

Com informações do repórter Tércio Amaral


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook