Justiça condena Joaquim Barbosa a indenizar jornalista

O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa foi condenado a indenizar o jornalista Felipe Recondo em R$ 20 mil por danos morais. Quando era repórter do jornal O Estado de S. Paulo, Recondo, hoje sócio do site jurídico Jota, foi chamado de “palhaço” pelo então presidente do Supremo e ainda ouviu do ministro que deveria “chafurdar no lixo”.

A decisão é da 4ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal em grau de apelação. Barbosa foi condenado por 3 votos contra 2. Votaram pela condenação do ex-presidente do Supremo os desembargadores Fernando Habibe, Sérgio Rocha e Rômulo de Araújo Mendes.

Joaquim Barbosa pode ainda recorrer da decisão. Atuaram no processo em favor do jornalista os advogados Leonardo Furtado (escritório Chiaparini Bastos), Danyelle Galvão e Renato Faria (escritório Faria e Galvão). A reportagem não localizou o ex-ministro para falar da sentença do Tribunal de Justiça do DF.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook