Últimas

Kardashians e polícia acreditam que ladrões tiveram ajuda interna, diz site



De acordo com o ‘TMZ’, eles não culpam o segurança pessoal de Kim, mas acreditam que outra pessoa tenha indicado o melhor momento para assalto.

Kim Kardashian em Nova York, nos Estados Unidos (Foto: AKM-GSI/ Agência)Kim Kardashian (Foto: AKM-GSI/ Agência)

Os ladrões que roubaram Kim Kardashian tiveram ajuda de pessoas que trabalham com a socialite, segundo fontes da polícia francesa afirmaram ao “TMZ”. A polícia e a família Kardashian não acreditam que tenha sido uma coinciência que Kim estivesse sem guarda-costas no momento em que os ladrões apareceram e conseguiram entrar no apartamento. A família e a polícia acreditam que eles receberam a dica de que aquele era o momento ideal para atacar.

Os ladrões apareceram no único pequeno espaço de tempo em que a estrela do reality show “Keeping Up With The Kardashians” estava sozinha. Kim estava com amigos até pouquíssimo tempo antes do assalto e seu segurança, Pascal Duvier, estava do lado dela o tempo todo, a ponto da morena brincar que já estava “ficando irritante”, a não ser pelas poucas horas em que ele saiu para proteger duas das irmãs da mulher de Kanye West, Kourtney e Kendall, em uma boate próxima.

Segurança quebra silêncio: “Mexeu com a pessoa errada”
As Kardashians, de acordo com o “TMZ”, não estão sugerindo que o segurança tivesse a ver com o roubo e, sim, afirmaram que sabem que ele não teve nada com o ocorrido. Mas estão convencidas que alguém deu informações indicando o momento preciso para os ladrões entrarem sem serem detidos.

A lista de suspeitos, segundo o site, é longa. Há vários outros apartamentos no prédio e várias pessoas envolvidas na Semana de Moda de Paris que sabia da agenda de Kim. No momento, a polícia está checando ligações de várias pessoas do prédio e arredores para tentar encontrar algum sinal de atividade suspeita.

Em entrevista ao “Mail Online”, Pascal Duvier, que está em Nova York com a equipe de segurança da socialite, disse que “o evento que aconteceu em Paris foi uma das coisas mais repugnantes que vi ou ouvi. Nós temos pistas e vamos encontrar vocês. Isso eu prometo, você mexeu com a pessoa errada”. Segundo a “People”, Kim pensou que seria estuprada ao ser amarrada pelos ladrões.

 

 

 


Fonte: Ego.globo.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook