Últimas

Rodrigo Caetano vê soberba e desrespeito de dirigentes palmeirenses

Diretor rubro-negro acredita que Paulo Nobre e Alexandre Mattos desmereceram o Flamengo

A guerra de palavras entre Palmeiras e Flamengo não tem fim: depois de Paulo Nobre e Alexandre Mattos fazerem críticas duras contra os rubro-negros, as respostas vieram em duas partes. O presidente Eduardo Bandeira de Mello respondeu no mesmo dia e agora foi a vez do diretor-executivo Rodrigo Caetano, que disse ter ficado surpreso com a “soberba” palmeirense.



GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Notícias de Flamengo | Notícias de Palmeiras | Nobre e Bandeira se atacam


Toda polêmica foi criada por causa do gol do Fluminense que foi invalidado no clássico contra o Flamengo. O Palmeiras afirmou que houve interferência externa na decisão do juiz e detonou: “enquanto o Palmeiras faz um trabalho sério, tem clube tentando influenciar arbitragem e tribunais fora de campo. Isso é uma vergonha”.

Em entrevista ao Uol, Rodrigo respondeu: “não existe achar que só o Palmeiras trabalha, que só eles têm competência para estar lá. Foi uma infelicidade esse tipo de comentário. Ele pode julgar o trabalho do clube dele, não dos demais. Temos uma equipe qualificada, desde comissão a atletas. Não pode qualificar que só o Palmeiras está trabalhando e jogando futebol. Ele se utilizou de uma soberba que me surpreendeu e eu lamento muito”.

Rodrigo acredita que houve desrepeito por parte dos palmeirenses: “não reconhecer que nosso clube realiza um bom trabalho, consistente. Se vai ser campeão ou não, vamos ver só ao final. Mas vamos disputar até o fim, como o Palmeiras e outros clubes. Desrespeitar isso é desrespeitar a profissionalização, é achar que não existe trabalho. Falta respeito nesse sentido. Não vamos admitir rótulos”.

Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Flamengo, também já tinha respondido duramente a Nobre: “gostaria muito que eles (presidentes de Palmeiras e Fluminense) tivessem vergonha na cara. Gostaria muito que as pessoas fossem mais explícitas na hora de acusar alguma coisa. Quem é que não tem vergonha na cara?”.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook