Últimas

Sem pressa de ser melhor do mundo, Neymar indica vontade de ficar no Barça: “Seria difícil encontrar esse ambiente em outro lugar”.

O brasileiro também contou o segredo do sucesso na trinca de ataque com Luis Suárez e Messi

Muito se fala sobre Neymar ser o sucessor de Messi no Barcelona, e futuro melhor jogador do mundo. Só que o craque brasileiro mantém os pés no chão, não tem pressa. O grande objetivo não é superar, agora, nem o seu amigo argentino nem Cristiano Ronaldo. Ele quer superar os próprios limites.

“Eu não tenho pressa, quero alcançar a minha melhor versão. Por isso, tenho que treinar e jogar cada dia. Para ser o melhor do mundo eu não tenho pressa”, disse Neymar, durante um evento publicitário.



GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Trio MSN está completo | Maradona: “Messi não é melhor que CR7” | Bale renova com Real, afirma rádio


Sobre quem é o melhor do mundo, o camisa 11 não há dúvidas. Enquanto muitos apontam que CR7 merece ganhar a Bola de Ouro, o brasileiro acredita que Messi ainda merece ser o dono da regalia, que aponta anualmente quem é o melhor jogador do mundo.

Antes de pensar em superar Messi, Neymar busca ser melhor do que ele próprio (Foto: Getty Images)

“Para mim, o Leo (Messi), é quem joga mais”, disse, antes de falar sobre as rotações de elenco feitas pelo técnico Luis Enrique: “Sabemos que são muitos jogos, todos temos que estar em nossa melhor forma para o final. Jogar nós três (Neymar, Messi e Suárez) depende do professor. Juntos somos mais fortes. A magia deste tridente é a amizade. Nós nos ajudamos”, explicou.

O Trio MSN (Messi + Suárez + Neymar) já é considerado um dos maiores ataques da história (Foto: Getty Images)

Sobre a proposta recorde que o Paris Saint-Germain estaria preparando para contratá-lo na próxima temporada, o brasileiro preferiu o silêncio. Mas deixou escapar que está muito feliz e à vontade em Barcelona.

“As minhas expectativas estão sendo atingidas, os meus sonhos estão se realizando. O ambiente é muito divertido, temos um grupo muito unido e por isso ganhamos muitas coisas. Seria difícil encontrar esse ambiente em outro lugar. Pode até existir, mas não acho que exista um como o do Barcelona”.

Por fim, o craque falou sobre as críticas que recebe sobre o seu estilo de jogo ofensivo: “Eu não vou mudar. Quando entro em campo eles precisam saber que o meu jogo é esse, driblar, fazer gols, ajudar os meus companheiros. Se eles não ficam felizes assim, só podem dar cotoveladas e chutes. Eu não vou mudar o meu jogo”, finalizou.

Números de Neymar no Campeonato Espanhol 2016-17


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook